quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

PALAVRA "AMOR" ( GLOSA )




MOTE

A esta palavra infinita
Que ninguém sabe definir
Amor, paixão tão bendita
Que nem todos sabem sentir

GLOSA

Só quem não vive e sente
Esta maravilha tão bonita
Consegue ficar indiferente
"A esta palavra infinita"

Quem mergulha no seu fundo
Tem dificuldade em discernir
O valor mais belo do mundo
"Que ninguém sabe definir"

É a arma do nosso coração
E a felicidade assim descrita
Tem qualquer coisa de emoção
"Amor, paixão tão bendita"

Denota tanta subjectividade
Pouco fácil para atingir
Faz libertar a cumplicidade
"Que nem todos sabem sentir"


JORGE BRITES
Partilhando o meu Sorriso

Sem comentários: