sábado, 21 de janeiro de 2012

MINHA TERRA ( ALENTEJO ) TE ABRAÇO

Alentejo da saudade de quem sente
Alentejo que espera e não cansa
Alentejo criador de sol ardente
Que saudade que nos dêem segurança


Alentejo minha terra minha gente
Alentejo do carinho que lembrança
Alentejo humanista indulgente
Que tão quente neste sonho de criança


Alentejo das cantigas que te canto
Alentejo onde sempre me encanto
Alentejo eu de ti sou um pedaço


Alentejo aqui nasci daqui eu sou
Alentejo minha Mãe cá me criou
Alentejo minha terra te abraço



Autor : Aleixo dos Santos
Poeta popular ( Sines )


JORGE BRITES
Partilhando o meu Sorriso

Sem comentários: