sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

MAR / AMOR




Escrevo sonetos ao mar,
Faço poemas de amor.
Ao primeiro vou-me inspirar,
Do segundo tenho o sabor !


O mar integra a minha vida,
É meu local de eleição.
O amor é a coisa mais querida,
Que acontece no meu coração !


Ambos fazem parte de mim
Acompanham-me até ao fim
Nesta minha caminhada


Dos dois continuarei a escrever
Faço-o com imenso prazer
Satisfazendo esta cruzada



JORGE BRITES
Partilhando o meu Sorriso

Sem comentários: