terça-feira, 13 de dezembro de 2011

PORQUE SERÁ ?



Porque escrevo ?
Não sei !
De onde saem as palavras ?
Não sei !
Onde bebo a inspiração ?
Não sei !
A caneta vai escrevendo,
Tudo vai saindo,
De onde vem ?
Não sei !
Procuro respostas,
Não tenho !
Uma certeza...
Tenho porém !
Continuarei escrevendo,
Porque...
Tenho prazer de o fazer
E muito gosto
Em partilhar as palavras !
Porque será ?
Não sei !
Por tudo isto,
A poesia é subjectiva,
Abstracta, enigmática,
Daí ser tão misteriosa.
Encantadora e bonita !
E...
Vou continuando
Sem respostas !


JORGE BRITES
Partilhando o meu Sorriso

Sem comentários: