domingo, 4 de setembro de 2011

IMPROVISO




Gosto muito de improvisar
Com isso fico satisfeito
Minha meta é partilhar
Tudo o que sai do meu peito


Um improviso é mesmo assim
Por vezes não soa bem
São os versos que há em mim
Quando a inspiração não vem


Vou brincando a escrever
Poeta, não desejando ser
Não tendo essa obcessão


As palavras saem de improviso
Acompanhadas pelo meu sorriso
E derramando minha emoção



JORGE BRITES
Partilhando o meu Sorriso

Sem comentários: