quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

2º SONETO DE 2015



De madrugada o 1º soneto fiz
Á noite aqui vai o segundo
Continuarei assim bem feliz
Mostrando o que sou ao mundo

Fazer quadras e rimando
Cá vou seguindo meu caminho
Com muito prazer partilhando
Todo este meu carinho

Agradecendo á inspiração
Sendo poeta á condição
Ao novo ano me sujeito

Tenho muito que aprender
E com humildade saber
Que ninguém nasce perfeito


JORGE BRITES
Partilhando o meu Sorriso

Sem comentários: