domingo, 3 de outubro de 2010

SEM PALAVRAS ( 22 )


Já nem as palavras
Me saciam esta vontade
Louca de te amar !
Não tem limite
Este meu desejo !
Tenho as palavras na boca
E o sentimento no coração,
Que se retraem quando chego
Perto de ti !
Como hoje...
Tudo em mim pára !
Embrenho-me inerte
No teu mundo,
Te vendo, te admirando,
Te sentindo,
Te amando á minha maneira !
Talvez não descubras pelos meus olhos,
A intensidade da minha paixão !
Devem estar tristes,
Por se sentirem impotentes
Para declarar o meu amor !




JORGE BRITES
Partilhando o meu Sorriso

Sem comentários: