quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

DUODÉCIMO




Duodémimo, palavra fatal
Nas notícias do meu País
Para pagar o subsídio de Natal
A quem está tão infeliz


Não sei onde isto vai parar
E para onde caminhamos
Não olham a meios para cortar
E nós é que se lixamos


No imposto o escalão é aumentado
Com mais uma sobretaxa ao lado
E não digas que é muito péssimo


Feitas as contas neste momento
Vou receber menos no vencimento
Mesmo com a "oferta" do duodécimo



JORGE BRITES
( Frutas )

Sem comentários: